INÍCIO QUEM SOMOS NOTICIAS GALERIAS PROJETOS NOSSA EQUIPE CONTATO

 

 

 

O Centro de Educação Musical de Joaquim Nabuco (CEMJN) foi fundado em 06 de março de 2006 é uma organização não governamental, sem fins econômicos, suprapartidária e sem nenhuma distinção. Com o objetivo de levar as pessoas menos favorecidas de Joaquim Nabuco e Região, o ensino das artes relacionadas com a música: teoria, prática e instrumental; percepção e instrumentação. Oferecendo aos alunos em geral, um conhecimento diferenciado daqueles normalmente existentes na região, propiciando a eles sem diferencial maior agregado, quando forem em busca do mercado de trabalho, ocupando o tempo ocioso, principalmente dos jovens, evitando-se assim distorções de conduta e comportamento comuns naqueles sem ocupação responsável.
A Associação presta serviços permanentes e sem discriminação de clientela, e tem por finalidade apoiar e desenvolver ações e projetos nas áreas sociais, música, dança, artesanato, cinema, meio ambiente, e artes integradas promovendo a reinserção e tendo como público-alvo todos os segmentos (famílias, crianças, adolescentes, adultos e idosos) e em especial os que se encontram em situação de risco social.
Todos os alunos se escrevem e estudam gratuitamente. O CEMJN atende cerca de 120 alunos com idades entre 08 a 28 anos em situação de risco social e pessoal nas oficinas: teoria e solfejo, flauta, clarinete, sax alto, sax soprano, sax tenor, trompete, trompa, trombone, bombardino, tuba, violão, bateria e percussão.
Em 14 de março de 2006 foi fundada a Banda Musical Poeta Manoel Bem-te-vi e o grupo Metais da Mata Sul sob a regência do Professor e Maestro Rivancler Cavalcante, com o objetivo de introduzir os estudantes, adolescentes, jovens e a comunidade em geral, no rico universo da música instrumental, popular e erudita, base do seu trabalho artístico, com experiência do seu coordenador e demais músicos, fazem concertos educativos em escolas e praças publicas na zona urbana e rural do município e da região, abrilhantando as solenidades cívicas do município e estando presente em manifestações religiosas, folclóricas, culturais, etc. Com um repertório voltado para cultura nordestina resgatando as músicas e danças nordestina tais como: Maracatu, caboclinho, ciranda, xote, baião, frevo, dobrados (marchas militares) e outros.
O Centro de Educação Musical de Joaquim Nabuco em 2009 foi reconhecido como Instituição Social e de Utilidade Pública no município de Joaquim Nabuco-PE (porem ainda não foi firmado convenio).
Em 2010 o CEMJN foi contemplado pelo Edital de Seleção dos Pontos de Culturano Estado de Pernambuco através do Projeto Cultura Instrumento de Resgate e no Edital Cine Mais Cultura.
Em 2012, a Banda Musical Poeta Manoel Bem-te-vi foi campeã da II Copa Agreste de Bandas e Fanfarras, no mesmo ano três membros do CEMJN foram convidados para compor a orquestra de frevo da delegação representativa na viagem a Paris capital da França, para a defesa junto a UNESCO, do FREVO, Patrimônio Cultural da Humanidade.

Desta forma elevando ainda mais o nome e a cultura da cidade de Joaquim Nabuco.